Fotovoltáicos – Análise solar de sombreamento para uma residência

O projeto para instalação de painéis fotovoltaicos tem como desafio, além de uma efetiva orientação solar e posição geográfica, os impedimentos físicos da luz solar, edifícios, montanhas e vegetação periféricos. A copa de uma árvore pode não estar sombreando o local de instalação durante o verão, onde a orientação do sol está mais vertical. Porém no inverno, com o sol mais baixo, a copa pode impedir boa parte da captação dos fótons também. A Synapsis tem aqui uma explicação da orientação solar.

Para isto, uma análise do sombreamento do ano todo pode ser feita de algumas formas. Aqui, por exemplo, dois gráficos solares que mostram o caminho do sol em uma certa direção. A Universidade de Oregon fornece um mecanismo onde pode-se criar um para as exatas condições geográficas de cada instalação.

gráficoSolar

Gráfico solar para São Paulo – Brasil

Esta imagem é levada a campo, preferencialmente em um acetato. Orienta-se conforme o azimute indicado e tem-se o caminho do sol durante o ano todo e os possíveis impedimentos à insolação. O primeiro gráfico, acima, refere-se a São Paulo, note que com o Oeste (West) à esquerda e o Leste (East) à direita, devemos alinhar o azimute 0° a Norte. Enquanto no segundo, abaixo, que se refere a Groningen, no norte dos Países Baixos (Holanda), o contrário ocorre. Devemos orientá-lo para sul.

gráficoSolarGroningen

Gráfico solar para Groningen – Países Baixos

Porém nada é mais efetivo e ilustrativo do que uma representação tridimensional demonstrando as condições reais de sombreamento nos períodos de insolação maior durante o solstício de verão e menor durante o solstício de inverno. No exemplo abaixo, o solstício de verão ocorre no meio do ano pois trata-se de uma residência no hemisfério norte. Neste hemisfério o sol naturalmente continua nascendo a Leste porém sua orientação é de Sul. Assim, o telhado escolhido, orientado para o Sul, tem uma bela árvore entre os painéis fotovoltaicos planejados e o sol.

 

No caso acima, o cliente decidiu por retirar a árvore do caminho da sua própria autossuficiência energética. O bloqueio só ocorre no inverno, talvez uma pode pudesse possibilitar alguma captação. Mas é provável que uma outra árvore de menor porte tenha sido plantada no local.

Creative Commons License
Este trabalho da Synapsis está sob Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

About Wagner Gonzalez

Analisando o metabolismo das cidades, através da observação de dinâmicas espaciais, identidades comunitárias e da energia limpa em tempos de transição. Analyzing the metabolism of cities, through the observation of spatial dynamics, community identities and clean energy in times of transition.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *